Tasquinhas de volta a Rio Maior

Publicado a 1 de Março de 2013 . Na categoria: Cultura Destaque . Seja o primeiro a comentar este artigo.

A partir de hoje, 1 de Março, e durante dez dias, a ordem é para comer e beber bem em mais uma edição das Tasquinhas de Rio Maior. Gastronomia, vinhos, artesanato e muita animação prometem atrair milhares de pessoas ao evento que é mais uma vez organizado pela Câmara Municipal e pela Associação Empresarial do Concelho de Rio Maior.
Este ano 22 colectividades e dois restaurantes asseguram o funcionamento de 24 tasquinhas. Em simultâneo decorre a já habitual mostra de actividades económicas, onde estarão representadas cerca de 50 empresas. No Pavilhão Multiusos de Rio Maior haverá ainda demonstrações de cozinha, em parceria com Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste e o chef riomaiorense Igor Martinho.
Já no exterior do pavilhão encontra-se a zona TasquinhasFest, dedicada aos mais novos, com muita animação nocturna. Hoje passam pelo espaço Paulo Holandês & Dj Kristof. Seguem-se Dj Nuno Remix e Eurico Lisboa (dia 2), Dj Tierry (dia 3), Dj Rui Alx (dia 4), Dj Kito (dia 5), Dj Jed (dia 6), Dj Vassalo (dia 7).
Na próxima sexta-feira, 8 de Março, a animação está a cargo de A Cauda da Tesoura & Dj Nuno Remix. Pato & Nelinho e Dj Rui Leiria animam as duas +ultimas noites de tasquinhas, a 9 e 10 de Março.
As Tasquinhas podem ser visitadas entre as 19h00 e as 24h00 nos dias úteis, um horário que ao sábado e domingo é alargado para o período entre as 12h00 e as 24h00. De segunda a quinta-feira as entradas são gratuitas.
J.F.

BNI de Rio Maior já gerou 60 mil euros em negócios

Publicado a 23 de Dezembro de 2012 . Na categoria: Economia Painel . Seja o primeiro a comentar este artigo.

O grupo de empresários membros do BNI de Rio Maior, criado oficialmente a 8 de Novembro, já gerou cerca de 60 mil euros em negócios entre si.
O BNI Internacional é uma rede de networking internacional de negócios que forma grupos locais de profissionais com apenas um representante de cada ramo ou profissão por grupo.
Em Rio Maior já são 35 os participantes nas reuniões, que se realizam sempre de manhã, bem cedo. Alguns dos empresários são das Caldas da Rainha, nomeadamente o presidente do grupo, João Ribas, proprietário da Love Design, uma empresa de decoração de interiores. Das Caldas fazem ainda parte um escritório de advocacia e uma empresa de climatização, estando outros elementos em fase de pré-adesão.
O grupo BNI das Caldas, criado em 2010, “deixou de existir” revelou João Ribas.

Mais sobre BNI de Rio (…)

Cinco municípios do Oeste vão receber 15,5 milhões de euros do Programa de Apoio à Economia Local

Publicado a 24 de Novembro de 2012 . Na categoria: Destaque Economia Painel . Seja o primeiro a comentar este artigo.

Cinco concelhos da região Oeste viram as aprovadas as suas candidaturas ao Programa de Apoio à Economia Local (PAEL). Alcobaça, Lourinhã, Óbidos, Peniche e Rio Maior vão receber mais de 15,5 milhões de euros para liquidarem dívidas vencidas há mais de 90 dias.
Rio Maior é o município oestino que vai receber menos dinheiro, pouco mais de 986 mil euros. Logo depois surge a Lourinhã, que vai receber 2,9 milhões de euros. Peniche vai receber 3,3 milhões de euros e Óbidos beneficia de um empréstimo de 3,8 milhões de euros.
É à autarquia de Alcobaça que cabe a maior fatia, com um empréstimo de 4,4 milhões de euros que, de acordo com o presidente da Câmara, são “uma verba importante para pagar dívidas antigas aos fornecedores e dinamizar a economia local”. Não obstante a importância deste programa, Paulo Inácio
ressalva que “a Câmara já suprimiu uma importante parte da dívida, num montante superior a este”.
Na nota em que divulga a lista das 82 autarquias que vão beneficiar de mais de 450 milhões de euros do PAEL, o governo realça que o programa vai permitir que os municípios regularizem as dívidas a curto-prazo, garantindo que estes “continuam a prestar um serviço público de qualidade que, face aos montantes de endividamento em causa, poderia ser descontinuado por incumprimento”.

Mais sobre Cinco municípios do (…)

Rio Maior volta a unir gerações em torno da gastronomia regional

Publicado a 23 de Março de 2012 . Na categoria: Destaque Painel Sociedade . Seja o primeiro a comentar este artigo.

Milhares de pessoas passaram pelo certame de Rio Maior

Comer bem e beber bem. Foi esta a ordem dada aos milhares de visitantes que entre os dias 2 e 11 de Março visitaram a 27ª edição das Tasquinhas de Rio Maior.
Na festa que foi conquistando ‘clientes’ fiéis ao longo dos anos, a gastronomia é rainha. Pelas mesas das tasquinhas, mais ou menos típicas, multiplicam-se os chouriços e morcelas assadas, as moelas, o pão regional, os pratos de bacalhau com migas ou batata assada, a tão tradicional tiborna e as queixadas de porco, estufadas ou assadas no forno, entre muitos outros petiscos. E como manda a lei, tudo muito bem regado com o vinho saído das adegas das várias localidades representadas na feira.
A animar as refeições, a boa disposição das ‘bandinhas’ que vão passando a tocar marchas, fazendo com que muito poucos resistam a bater o pé. As tunas académicas e a animação de quem já há muitos anos dá algum do seu tempo para ajudar as colectividades que não dispensam marcar presença nesta festa também contribuem para o bom ambiente que se vive no Pavilhão Multiusos de Rio Maior.

Mais sobre Rio Maior volta (…)

Projecto EcoCasa Famílias permitiu a poupança de quase 30% no consumo de água

Publicado a 21 de Outubro de 2011 . Na categoria: Painel Sociedade . Seja o primeiro a comentar este artigo.

As sete famílias da região Oeste que integraram o projecto EcoCasa – Água, entre Novembro de 2009 e Junho de 2011, reduziram o seu consumo de água em cerca de 26,8% após a colocação dos redutores de caudal e a elaboração de planos de racionalização de água. Estas informações foram divulgadas no passado dia 6 de Outubro por Rita Antunes, coordenadora do Projecto da Quercus, no âmbito do seminário “Uso Eficiente da Água no Sector Residencial”, organizado pela Águas do Oeste e pela Quercus.

O projecto EcoCasa – Água envolveu um grupo de famílias dos municípios de Azambuja, Lourinhã, Rio Maior, Óbidos e Torres Vedras, cujos consumos de água e hábitos diários foram monitorizados ao longo de um ano, com vista ao seu uso eficiente no sector doméstico e, consequentemente, à sensibilização dos consumidores para a necessidade de reduzir os desperdícios.

Mais sobre Projecto EcoCasa Famílias (…)

Foz do Arelho, Peniche e Rio Maior participam em meditação nacional

Publicado a 6 de Maio de 2011 . Na categoria: Breves Sociedade . Seja o primeiro a comentar este artigo.

A praia da Foz do Arelho, o Parque Urbano de Peniche e o Jardim Municipal de Rio Maior são os locais na região Oeste onde irão estar os participantes de uma meditação nacional que acontecerá este domingo, 8 de Maio, a partir das 15h00.
O movimento surgiu no Facebook e reúne pessoas de centros de Reiki e de Yoga, mas também “mais pessoas de várias sensibilidades culturais”, segundo explicou à Gazeta das Caldas António Fróis Rafael, que está a organizar o evento nas Caldas, em conjunto com Ricardo Lemos e Ester Lázaro.
“Nestes tempos actuais de revoltas, manifestações e mudanças, vimos propor um evento conjunto de união”, refere o sítio na Internet www.meditacaonacional.info.
Será uma meditação “para a paz interior, para sabedoria nas decisões e acções a nível individual, nacional e mundial”, sem interesses políticos, comerciais ou promoções a nível individual, empresarial ou organizacional.
Os organizadores referem que “os benefícios da meditação são comprovados cientificamente e já foram feitos testes em cidades onde várias pessoas se juntaram para meditar a fim de reduzir a criminalidade e tal aconteceu”.
Quem não puder comparecer fisicamente pode juntar-se a esta meditação organizando grupos na sua área de residência, na sua cidade ou mesmo meditando na sua própria casa.
Na Foz do Arelho a concentração de participantes faz-se na na rotunda da avenida do Mar, às 14h45.
P.A.

Festas de fim de ano para todos os gostos e todas as carteiras

Publicado a 23 de Dezembro de 2010 . Na categoria: Destaque Sociedade . Seja o primeiro a comentar este artigo.

Com a chegada do fim de ano, multiplicam-se as ofertas de festas de Passagem de Ano.
Umas são já referências na região e atraem anualmente milhares e milhares de pessoas. Outras vão-se afirmando ano após ano. Umas têm entrada livre e decorrem na rua. Outras têm entrada paga, com opções para todas as carteiras e, além do conforto de um tecto, prometem as melhores e mais tradicionais iguarias.
Gazeta das Caldas deixa nesta edição algumas das opções (aquelas de que nos chegou informação) a ter em conta na região.

Passagem de Ano popular na Praça da Fruta

Nas Caldas da Rainha repete-se a tradição e o fim de ano é festejado na Praça da Fruta. A partir das 22h30, a Banda Ibérica promete aquecer a noite e às 0h00 há fogo-de-artifício.
Apesar da contenção, a Câmara das Caldas achou por bem manter os festejos na rua, pensados sobretudo “naqueles que não têm condições para passarem o ano numa unidade hoteleira ou noutro espaço com entrada paga”, explicou ao nosso jornal António Marques, que está a preparar os festejos com a autarquia. Garantindo que a festa não vai custar “muito além dos cinco mil euros”, este responsável refere que vamos entrar num “ano difícil” e que “não pode ser encarado com desânimo”. Esta “passagem de ano popular” tem precisamente o objectivo de dar as boas vindas a 2011 em ambiente de festa, que deverá terminar por volta da 01h00, “para não incomodar quem mora ali perto”.

Dezenas de milhar de pessoas na Nazaré

Passar o ano no areal e marginal da Nazaré tem sido a opção de um cada vez maior número de pessoas (Foto de arquivo)

É uma das festas que mais gente atrai na região e estima-se que por lá tenham passado cerca de 100 mil pessoas no ano passado. O promontório e o mar nazareno voltam a afirmar-se como um cenário de eleição para os festejos de da passagem de ano, com muita música à beira mar e o já habitual espectáculo de fogo-de-artifício.
Organizada pela Câmara da Nazaré através da Empresa Municipal Nazaré Qualifica, que a consideram “uma das maiores festas de fim de ano do país”, e com entrada livre, a passagem de ano arranca na noite de 30 de Dezembro, quando se prevê a chegada à vila de muita gente de fora e os primeiros sons de dança ecoam na praia. Na noite de reveillon a marginal e o sítio acolhem os quatro palcos por onde vão passar várias bandas locais e Dj’s convidados, que animam a mais longa noite do ano a partir das 23h00.
À semelhança do que tem acontecido em anos anteriores, a contagem decrescente para o novo ano faz-se com o auxílio de um relógio projectado no promontório da Nazaré e assim que baterem as zero horas o céu é rasgado por um espectáculo pirotécnico que leva anualmente milhares de pessoas, não só à beira mar, mas também aos vários miradouros que rodeiam a vila.
A elevada afluência de pessoas à Nazaré nos últimos dias do ano levou já a que a Protecção Civil municipal definisse medidas a adoptar para garantir a segurança de quem se deixa levar pelos festejos.
Na área da saúde o destaque vai para o Agrupamento de Centros de Saúde Oeste Norte e a Cruz Vermelha Portuguesa, que terá várias unidades móveis espalhadas pela vila entre as 20h00 e as 0h00 dos dias 30 e 31 de Dezembro e 1 de Janeiro. Nas restantes áreas de actuação não há novidades a apontar, “uma vez que a capacidade de resposta tem sido adequada”, sustenta a organização.
Nesse sentido, mantêm-se os alertas para que os visitantes tenham uma atitude preventiva e se divirtam com moderação, para que estes cheguem o mais cedo possível e pernoitem na Nazaré, evitando-se ao máximo a condução sob efeito de álcool e o congestionamento de tráfego na noite de festa. Ao nível do trânsito, a Avenida Marginal vai estar fechada ao tráfego durante os festejos e haverá condicionamento no estacionamento em algumas artérias.
Para que tudo corra bem, a operação conta ainda com a colaboração da Capitania do Porto da Nazaré, PSP, GNR, Bombeiros e Associação de Dadores Benévolos de Sangue.

Marginal de São Martinho do Porto

Em São Martinho do Porto os festejos de rua são recentes, mas começam já a atrair muitos adeptos. Ao longo da marginal, a festa organizada pela autarquia de Alcobaça promete prolongar-se entre as 22h00 do dia 31 e as 06h00 do dia 1, com muita música e fogo-de-artifício, a principal novidade deste ano.
Três áreas musicais distintas garantem uma selecção musical para todos os gostos. No palco popular vai estar a Banda Selecção e pelo palco dedicado aos Dj’s, ambos na marginal, vão passar Bullycau, Kid Disco, Stuart e Dj Tornado. O terceiro palco vai localizar-se no Clube Náutico de S. Martinho, entre as 23h00 e as 6h00, e conta com Dj Shark a animar os festejos.
Numa festa com entrada livre não falta o espectáculo de pirotecnia à meia-noite realizado a partir de várias plataformas flutuantes colocadas na baía e de um ponto fixo em terra. Durante 15 minutos o céu vai ficar iluminado com um sem número de cores, que se reflectem no espelho de água que é a Concha Azul.
Os festejos obrigam inevitavelmente a condicionamentos no trânsito, que se farão sentir a partir das 19h00 do dia 31 e até às 08h00 do primeiro dia de 2011. Será proibido estacionar e circular nos acessos à Avenida Marginal, Estrada do Vale do Guizo, Rua Machado dos Santos, Rua Engenheiro Luís F. Cavaleiro, Rua 5 de Outubro, Rua Dr. José de Saldanha e Rua Dr. Júlio Frederico de Guimarães. Está ainda prevista a alteração do sentido de circulação no início da Rua Dr. Júlio Frederico de Guimarães e em toda a Rua da República, sendo que o tráfego vai fluir em direcção a Salir do Porto.
Por fim, o tráfego com destino a Salir do Porto e Foz do Arelho será desviado pela Estrada Nacional 242 junto à Residencial Amável.

Baile de fim de ano em Rio Maior

Em Rio Maior é na Praça da República que se fazem as despedidas a 2010. A Câmara Municipal oferece as passas, bastando que as pessoas levem o tradicional champanhe para brindar ao novo ano.
A festa é garantida com um baile de fim de ano com a Banda Kontrol.
Restaurante Viva Maria – Bom Sucesso

A proposta do Restaurante Viva Maria e Pura Vida Bar, no Bom Sucesso, em Óbidos, é para que entre em 2011 “num ambiente relaxante e envolvente” e para uma noite prolongada “ao som dos maiores êxitos de sempre”.
Para os que querem despedir-se de 2010 com um jantar no restaurante, foram preparadas duas ementas: a “Ementa Deluxe” custa 170 euros por adulto e 88 euros por crianças e além do jantar de dia 31, a partir das 20h30, contempla ainda o almoço de dia 1 de Janeiro. A segunda opção é a “Ementa Gourmet”, a 60 euros por adulto e 35 euros por criança.
A festa continua no bar daquele restaurante com música ao vivo e bar aberto entre as 23h00 e as 06h00. Pelas 03h00 é servida a ceia de Ano Novo com caldo verde, pãezinhos recheados com enchidos da região e as tradicionais rabanadas. A opção da festa no bar custa 35 euros por pessoa.
As reservas devem ser feitas através dos tel. 262112340 ou 917507408.

StayIn – Óbidos

No StayIn, antigo Hotel Mansão da Torre, o desafio é para passar “a última noite de 2010 em ambiente de requinte, num jantar servido digno de quem merece o melhor”. Crazy Duo é quem garante a animação musical da noite, que começa às 20h00 com aperitivos de boas-vindas.
Meia hora mais tarde começa a ser servido o jantar. A ementa é composta por aveludado de lagosta, camarão e amêijoa em bacalhau dourado com puré e legumes salteados e vitela em molho de cogumelos e arroz selvagem. Para a sobremesa há docinho do amor em calda de frutos vermelhos.
Às 23h30, e para que nada falte quando baterem as 12 badaladas, é servido à mesa espumante, passas e outras frutas cristalizadas. À 01h00 há buffet de frios e de sobremesas e a meio da noite, pelas 03h30, caldo verde, coscorões, sonhos, rabanadas, chocolate quente e café da avó prometem sentar de novo os participantes às mesas.
O preço é de 85 euros por pessoa e as reservas devem ser feitas pelo tel. 262955460 ou através de e-mail para info@stay-in-obidos.com.

Quinta do Juncal – Serra D’El Rey

Na Quinta do Juncal a festa de fim de ano arranca pelas 19h30, quando são dadas as boas vindas aos foliões com salgadinhos, gambas albardadas, presunto e ananás em espetada, vol au vent recheados e os habituais aperitivos líquidos.
Uma hora depois tem início o jantar, com creme aveludado de espargos com presunto e pão crocante, tranche de bacalhau com crosta de amêndoa, vitela em massa filo e aroma de ginja de Óbidos. A sobremesa é servida em buffet, com fruta da época e frutas tropicais, doces de tradição e doces conventuais. Com o café e digestivos dá-se início ao bar aberto, que se mantém durante toda a noite.
Às 0h00 há fogo-de-artifício, espumante, passa para pedir desejos e bolo rainha para receber de estômago composto o novo ano. Uma hora depois abre um novo buffet, desta feita com uma mesa de saladas, uma mesa de carnes frias e uma mesa de mariscos, com gambas, sapateira recheada e mexilhão em vinagrete. Às 3h00 há caldo verde, rabanadas au Porto, filhós, sonhos e café da avó. Os adultos pagam 65 euros e o preço para crianças entre os quatro e os dez anos é de 32,5 euros. Para grupos de mais de dez pessoas há um desconto de 5%.
Reservas através dos números 966664340, 969374399, 918350616 ou 262845640. Outras informações em www.quintajuncal.com.

Casais da Serra – Landal

É às 20h00 que arranca a festa na Associação Social e Desenvolvimento de Casais da Serra, freguesia de Landal. Uma hora mais tarde é servido o jantar com canja de galinha, sopa de peixe e lombinhos de porco com ananás.
O copo de água é composto por bolo-rei, doçaria diversa, leitão e peru assado, carnes frias e assadas, rissóis, croquetes e pastéis de bacalhau, camarão e presunto. Às 00h00 há espumante e aperitivos para dar as boas vindas ao novo ano, numa noite que será animada pelo Trio Musical HNP. A ceia será servida pelas 4h00 e conta com caldo verde, filhozes e café da avó.
O preço é de 30 euros para adultos e 15 euros para crianças entre os sete e os 12 anos. As crianças até aos seis anos não pagam. As inscrições devem ser feitas até 27 de Dezembro através dos tel. 917204663, 262949260 ou 937611644.

São Domingos – Salir de Matos

A Associação Recreativa Desportiva e Cultural de São Domingos, freguesia de Salir de Matos, vai aproveitar a noite de fim de ano para comemorar a reabertura do seu bar. E na festa promete “muita animação”.
A proposta é para que as pessoas se juntem à volta de uma mesa buffet com aperitivos, entradas variadas, caldo verde, frango assado e lombo fatiado, saladas frias, presunto, camarão e sapateira, e os doces tradicionais da época, como o bolo rei, o arroz doce, os fritos. Há meia noite, há champanhe e passas.
As inscrições custam 12 euros por adulto, sendo que as crianças até aos 12 anos não pagam, e devem ser feitas até 26 de Dezembro, para o número 931168343. As inscrições que forem feitas depois do dia 26 têm um acréscimo de cinco euros.

Bar Cidade Nova – Caldas

Na noite de 31 de Dezembro há música ao vivo com Terabytes. Quando baterem as 12 badaladas há champanhe para brindar ao novo ano, ao qual se dá as boas vindas com o conforto de um caldo verde quente.

Joana Fialho
jfialho@gazetacaldas.com

Loja Sisil oferece festa de final de ano à população

No próximo dia 31 de Dezembro, a partir das 14h00, a loja Sisil, que fica junto à rotunda da EDP, vai realizar uma festa durante a qual vai oferecer à população um churrasco ao ar livre, com música e insufláveis para os mais pequenos.
Este armazém chinês – que aposta sobretudo nas áreas do vestuário e do calçado – vai realizar um sorteio entre os seus clientes, oferecendo electrodomésticos (um televisor LCD e um computador i-Pad Tablet), bem como cheques de compras com valores entre os 15 e os 100 euros. O sorteio realiza-se a partir das 16h00.

N.N.

Ocorrências Policiais – Mortes em acidentes na A8 e em Rio Maior

Publicado a 5 de Novembro de 2010 . Na categoria: Breves Sociedade . Seja o primeiro a comentar este artigo.

Dois homens morreram, a 28 de Outubro, na sequência de um acidente na A8, perto de Alfeizerão, no sentido norte-sul.
A viatura em que se deslocavam as duas vítimas mortais despistou-se, colidindo na traseira de um veículo de manutenção da Auto-Estradas do Atlântico que estava na berma da estrada.
O passageiro da viatura faleceu no local e o condutor ainda foi transportado de helicóptero para Coimbra, mas acabaria por não resistir aos ferimentos.
Segundo José António Silva, comandante dos bombeiros voluntários das Caldas da Rainha (que deram apoio aos colegas de São Martinho), a operação de desencarceramento das vítimas demorou cerca de uma hora.
Na madrugada de 1 de Novembro o despiste de um carro contra um eucalipto, em Casais da Serra (Rio Maior), causou a morte de uma jovem de 23 anos. A vítima ainda foi transportada para o Hospital das Caldas, mas acabaria por falecer.
Na área do destacamento territorial das GNR das Caldas da Rainha foram registados, de 25 a 31 de Outubro, um total de 41 acidentes, dos quais resultaram mais sete feridos ligeiros.
No dia 26 de Outubro, pelas 10h15, foi detido nas Caldas da Rainha um jovem de 22 anos por condução de um veículo ligeiro de mercadorias sem ter carta de condução. No mesmo dia outro homem foi detido pelo mesmo motivo em Vale Maceira. Em São Martinho do Porto outro indivíduo também foi detido por permanência ilegal em Portugal.
Na Ribafria, dia 27 de Outubro, uma mulher foi detida por conduzir um veículo apreendido. No Alto do Nobre a GNR das Caldas deteve um homem de 52 anos que conduzia com uma taxa de alcoolémia de 1,72 gr/l.
A 29 de Outubro foi detido um homem de 33 anos que conduzia com a carta de condução apreendida. No dia seguinte a GNR do Bombarral deteve outro indivíduo por conduzir sem carta.
No dia seguinte, na Nazaré, a PSP deteve um condutor de 34 anos com uma taxa de alcoolémia de 1,79 gr/l.
Em Alcobaça, durante o fim-de-semana passado, a polícia fez duas detenções por excesso de álcool. Foram apanhados dois indivíduos, de 35 e 42 anos, com 3,33 e 2,25 gr/l. O indivíduo mais novo era do sexo feminino e foi interveniente num acidente de viação do qual resultaram danos materiais.
No dia 2 de Novembro, pelas 02h30, a polícia caldense deteve um jovem de 17 anos que conduzia um veículo ligeiro de mercadorias sem ter carta.
.
Mau tempo sem consequências nas Caldas

O mau tempo que se fez sentir em Portugal no fim-de-semana passado não teve consequências graves nas Caldas da Rainha. Segundo o comandante dos bombeiros voluntários houve apenas a registar a queda de uma árvore perto da Espinheira e de alguns troncos junto à Expoeste.
“Choveram 16 litros por metro quadrado durante hora e meia. A nossa cidade ‘aguenta-se’ até 20 litros por metro quadrado”, explicou.
José António Silva referiu o facto de se ter ouvido diversas vezes a sirene dos bombeiros porque sempre que o piquete de emergência sai para alguma emergência precisam de ter bombeiros disponíveis para eventuais necessidades.
Apesar da época de fogos ter terminado, ainda têm ocorrido alguns incêndios, nomeadamente em Salir do Porto. O comandante caldense não tem dúvidas de que se trata de mão criminosa. “Não faz sentido outra coisa. Este ano fomos mais de 20 vezes à mesma zona”, referiu. Na sua opinião, deverá ser alguém que quer criar zonas sem mato para poder caçar mais facilmente.
“Quem quer que seja põe em risco habitações e os próprios bombeiros. Numa dessas ocorrências houve um bombeiro de São Martinho que partiu o pé”, salientou.

Esfaqueiam para roubar telemóveis e máquina fotográfica

Dois indivíduos, com 21 e 26 anos, foram identificados pela PSP de Peniche por suspeita de terem sido os autores de um roubo com coação e agressão física a um casal, durante a madrugada de 28 de Outubro.
A mulher deste casal foi golpeada três vezes com um canivete na zona lombar e foi assistida no Hospital de Peniche, sem, no entanto, necessitar de ser internada.
Às vítimas, com 23 e 24 anos, foram roubados dois telemóveis e uma máquina fotográfica digital. Na sequência da investigação da polícia todos os artigos foram recuperados e caso seguiu para o Ministério Público.
No dia 27 de Outubro a PSP das Caldas recuperou um veículo ligeiro que tinha sido furtado durante a madrugada. No mesmo dia foi recuperada uma mota que fora roubada a 20 de Outubro.
No dia 26 de Outubro foi furtado um veículo ligeiro de mercadorias, avaliado pelo proprietário em dez mil euros. A PSP das Caldas está a investigar.
Ao final da tarde de 31 de Outubro foi recuperada nas Caldas outra viatura que tinha sido roubada dois dias antes.
Duas viaturas foram furtadas 26 de Outubro em Moleanos e no Baleal. No dia seguinte, no Bombarral, houve três furtos ao interior de veículos. No mesmo concelho, no Pó e Casalinho, foram assaltadas duas casas. No concelho de Peniche houve duas queixas na GNR por furto ao interior de veículos e outra por roubo de uma viatura.
Ainda nesse dia, um idoso de 68 anos foi roubado com violência, quando percorria a via pública em Carvalhal (Turquel).
Um jovem de 20 anos foi detido pela GNR do Bombarral a 28 de Outubro por ter na sua posse 65 gramas de haxixe e 4,72 gramas de cannabis. O indivíduo foi presente a tribunal e o processo passou a inquérito.
No dia 29 de Outubro foi assaltado um veículo no Reguengo da Parada e outro no Landal. Na Atouguia da Baleia foram assaltadas três viaturas nesse dia. Na mesma localidade desapareceu uma bomba de água de um terreno agrícola.
Dois homens, ambos com 35 anos, foram detidos pela GNR do Bombarral em flagrante delito, quando se encontravam a assaltar uma obra.
No dia 30 de Outubro foi apresentada uma queixa pelo furto ao interior de veículo, em Ferrel. No mesmo dia assaltaram uma adega em Cintrão.
No último dia de Outubro a GNR da Benedita recebeu uma queixa pelo furto a veículo. A EDP apresentou uma queixa na Guarda das Caldas pelo furto de fio de cobre em Vila Verde de Matos.

Pedro Antunes
pantunes@gazetacaldas.com

Feira Nacional da Cebola voltou a fazer-se com ceboleiros de Alvorninha

Publicado a 10 de Setembro de 2010 . Na categoria: Painel Sociedade . Seja o primeiro a comentar este artigo.

Há já 249 anos que Rio Maior acolhe anualmente a Feira Nacional da Cebola, que este ano decorreu entre 1 e 5 de Setembro, tendo recebido a visita de cerca de 100 mil visitantes. Um certame que outrora reunia gente de todo o país e que em 1770 foi instituído como Feira Franca pelo rei D. José I.
Longe vão os tempos em que a agricultura era uma das principais actividades económicas do país, mas ainda é com os ceboleiros caldenses, nomeadamente da freguesia de Alvorninha, que a feira se tem feito nos últimos anos, e a presença de filhos dos ceboleiros mais antigos faz adivinhar que é assim que a feira vai continuar.
Este ano foram 38 os ceboleiros que marcaram presença nos cinco dias de festa, e ainda que a chuva não tenha ajudado à produção de cebola, muitas toneladas foram vendidas naquela que é uma feira onde “continua a valer a pena marcar presença”, garantem os produtores.

Mais sobre Feira Nacional da (…)

IPL volta a abrir cursos de especialização tecnológica

Publicado a . Na categoria: Breves Sociedade . Seja o primeiro a comentar este artigo.

O Instituto Politécnico de Leiria (IPL) está a promover mais uma edição dos Cursos de Especialização Tecnológica (CET) para o período lectivo 2010/2012.  Estes cursos, com funcionamento em regime diurno e pós-laboral, serão leccionados em Alcobaça, Alvaiázere, Avelar, Caldas da Rainha, Figueiró dos Vinhos, Leiria, Pedrógão Grande, Penela, Peniche, Pombal, Rio Maior, Soure, Vagos e Vila de Rei.
Com uma duração de 18 meses, uma parte significativa dos conteúdos programáticos é realizada em contexto de trabalho. Tratando-se de cursos pós-secundários, qualificam jovens e adultos para o desempenho profissional, conferindo uma qualificação profissional de nível IV. No final da formação os alunos estão capacitados para o ingresso na vida activa com o nível de qualificação IV ou para o prosseguimento de estudos num curso de licenciatura do IPL, através de uma via própria.
As candidaturas estarão abertas até 27 de Setembro, exclusivamente online, em www.ipleiria.pt.

Mais sobre IPL volta a (…)
Página seguinte »

Breves
Carlos Lopes nas Caldas para apoiar Corrida Pela Vida

Carlos LopesA quinta edição da Corrida Pela Vida – que este ano irá ajudar o Centro de Educação Especial Rainha D. Leonor – vai contar com a presença do campeão olímpico Carlos Lopes. O atleta, que apadrinha esta iniciativa, foi o vencedor da maratona nos Jogos Olímpicos de Los Angeles em 1984.

Vendedores das Caldas em convívio

O 53º almoço de confraternização dos Vendedores das Caldas da Rainha realiza-se no sábado, dia [...]

Produtos de autor apresentados na Vila Natal

A cada sábado às 11h00, entre 6 de Dezembro e 3 de Janeiro, será apresentado [...]

Congresso internacional de enfermagem de reabilitação no CCC

O CCC vai receber, de 4 a 6 de Dezembro, o Congresso Internacional de Enfermagem [...]

Junta da Foz promove limpeza das margens da Lagoa

A Junta de Freguesia da Foz do Arelho vai promover mais uma acção de limpeza [...]

Material agrícola furtado na região

A 12 de Novembro foram furtadas várias alfaias agrícolas num terreno em Tornada. No mesmo [...]

Comerciantes caldenses solidários com famílias carenciadas

Dois comerciantes das Caldas da Rainha, proprietários do Oculista do Parque e do Quiosque da [...]

Ana Saramago acolheu campanha solidária contra o cancro da mama

Decorreu durante a semana passada no Ana Saramago Cabeleireiros, na Quinta da Cutileira, a iniciativa [...]


Assinantes
Actuais
Crónicas
 
 
 

2010 Gazeta das Caldas | Desenvolvido por Janela Digital